segunda-feira, 12 de julho de 2010

CABO VERDE DESENVOLVE ENERGIA RENOVÁVEL

Centro de energia renovável em Cabo Verde




http://2.bp.blogspot.com/_VHRZ01F1o1k/R5XIxFCKA9I/AAAAAAAAAF0/TPOYLMLrfT8/s400/wind+power.JPG

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.
  
    
Um novo Centro Regional para Energia Renovável e Eficiente, Ecreee, na sua sigla em inglês, foi inaugurado na cidade da Praia, em Cabo Verde.
Uma nota da Organização da ONU para Desenvolvimento Industrial, Unido, afirma que o centro irá ajudar a desenvolver mercados de energia eficiente na África Ocidental, através da implementação de mecanismos de financiamento e de projectos com potencial para aumentar a capacidade energética da região.



Parceria Especial

A iniciativa é uma agência especializada da Comunidade de Estados da África Ocidental, Cedeao, com apoio da Unido, e dos governos da Áustria, Espanha e Cabo Verde.
As actividades do centro serão também apoiadas por uma parceria especial entre o Brasil e a Cedeao, abrindo oportunidades para a cooperação Sul-Sul e a transferência de tecnologia e conhecimentos.
Segundo a Unido, os actuais sistemas energéticos na África Ocidental não apoiam as perspectivas de crescimento de mais de 262 milhões de pessoas, especialmente das camadas mais pobres da população.
Martin Lugmayr, especialista em energia renovável da Unido, disse à Rádio ONU, da cidade da Praia, que a escolha de Cabo Verde para acolher o centro deve-se à ambiciosa política do seu governo para esse sector.

Electricidade

"Porque Cabo Verde tem grandes objectivos na área de energia renovável. Por exemplo, Cabo Verde quer produzir 50% da electricidade que consome a partir de energias renováveis nos próximos 20 anos", afirmou.
O vice-director-geral da Unido, Yoshiteru Uramoto, disse na cerimónia de inauguração do centro, que o investimento em sistemas de energia renovável irá contribuir para o desenvolvimento económico e social da região, sem afectar o meio ambiente.